Última atualização: 24/10/2020

Nota importante

As presentes informações não têm natureza vinculativa, funcionam apenas como indicações e conselhos, e são suscetíveis de alteração a qualquer momento. Nem o Estado Português, nem as representações diplomáticas e consulares, poderão ser responsabilizadas pelos danos ou prejuízos em pessoas e/ou bens daí advenientes.

AVISO

COVID 19 (24.10.2020)

A partir de 2.ª feira, dia 26 de Outubro, estão sujeitos à obrigação de cumprir um período de 2 semanas de quarentena os cidadãos que entrem na Estónia provenientes dos seguintes países da UE e/ou do Espaço Schengen: Alemanha, Áustria, Bélgica, Bulgária, Chipre, Croácia, Dinamarca, Eslováquia, Eslovénia, Espanha, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Irlanda, Islândia, Itália, Letónia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Países Baixos, Polónia, Portugal, República Checa, Roménia, Suécia e Suíça.

Relativamente à Finlândia, Letónia e Lituânia, a obrigação de cumprir um período de quarentena não se aplica a pessoas assintomáticas que tenham permanecido no território de um destes países nos 14 dias anteriores à sua entrada na Estónia e que tenham viajado para a Estónia directamente a partir de um desses países, desde que cumpram as seguintes condições:

- Realizem um teste à Covid-19 nas 48 horas anteriores à sua entrada na Estónia e o resultado seja negativo. Se viajarem da Estónia para um destes três países e regressarem à Estónia, é possível realizar o teste à Covid-19 na Estónia e regressar à vida normal, se o resultado for negativo. Enquanto aguarda pelo resultado do teste, a pessoa deve permanecer em auto-isolamento.

- As pessoas que viajem para a Estónia para fins de trabalho, estudo, para receber cuidados de saúde, por motivos familiares ou em trânsito, não necessitam de realizar um teste à Covid-19 antes de entrarem no país.

Os cidadãos que entrem na Estónia provenientes de Andorra, Mónaco, Reino Unido, São Marino e Vaticano estão igualmente sujeitos à obrigação de quarentena.

Entretanto, desde 1 de Setembro, a Estónia introduziu a possibilidade de os cidadãos provenientes de países considerados de risco encurtarem o período de 14 dias de quarentena, mediante a realização de dois testes. O comunicado de imprensa do MNE estónio pode ser consultado aqui:  https://vm.ee/en/news/testing-airport-and-port-be-made-available-people-returning-estonia-coronavirus-risk-countries .

O primeiro teste deverá ser realizado à entrada no país. Caso o resultado seja negativo, a pessoa deverá permanecer num período de auto-isolamento relativo durante 7 dias (poderá ir trabalhar, se tal for necessário, mas mantendo a distância em relação aos colegas de trabalho; poderá ir às compras; deverá evitar os contactos desnecessários).

O segundo teste será realizado 7 dias depois dos resultados do primeiro; se o resultado for igualmente negativo, a pessoa poderá retomar a sua vida normal, sem a necessidade de cumprir a totalidade do período de 14 dias de quarentena.

Os testes são gratuitos para os residentes estónios e custam 67€ para os cidadãos estrangeiros.

A informação sobre as taxas de infecção e a possibilidade de realização de testes à entrada do país pode ser consultada aqui: https://vm.ee/en/information-countries-and-self-isolation-requirements-passengers.

A Estónia tem disponível uma aplicação móvel de detecção da exposição à Covid-19, denominada HOIA. Informação sobre esta aplicação pode ser consultada aqui: https://www.hoia.me/en/

  • Partilhe