Última atualização: 23/06/2021

Nota importante
As presentes informações não têm natureza vinculativa, funcionam apenas como indicações e conselhos, e são susceptíveis de alteração a qualquer momento. Nem o Estado Português, nem as representações diplomáticas e consulares, poderão ser responsabilizadas pelos danos ou prejuízos em pessoas e/ou bens daí advenientes.

 

Aviso

23-06-2021

Restrições de entrada no Japão em vigor a partir de 21 de junho 2021 devido ao aparecimento da variante Delta (coronavirus B.1.617)


No âmbito das medidas de prevenção do coronavírus e da infeção do Covid-19  está atualmente em vigor um travel ban emitido pelas autoridades japonesas que abrange 159 países, incluindo Portugal, o que se traduz na interdição de entrada no Japão para os cidadãos nacionais e estrangeiros residentes em Portugal ou num dos restantes 158 países, ou que tenham permanecido em algum dos 158 países nos 14 dias que antecedem a chegada ao Japão. 
A interdição de entrada abrange os novos requerentes de vistos, incluindo estudantes e dependentes, empresários e viagens de negócios. Atualmente apenas os nacionais japoneses e residentes estrangeiros no país poderão reentrar no Japão.
Com o aparecimento da variante Delta (coronavirus B.1.617) em Portugal os viajantes provenientes de Portugal e/ou de outras regiões com a referida variante ao chegarem ao Japão, além do teste RT- PCR deverão permanecer 3 dias em local designado pelo Chefe de Quarentena e deverão fazer novo teste ao Covid -19 no terceiro dia. Aqueles que tiverem resultado negativo deverão fazer um período adicional de 14 dias de quarentena em casa (hotel, residência). A utilização de transportes públicos incluindo táxi para a deslocação do aeroporto para o respetivo destino/alojamento e durante os 14 dias subsequentes não é permitida.

Mais informações:
Clicar no link https://www.mofa.go.jp/ca/fna/page4e_001053.html
O Acordo de Isenção de Vistos entre Portugal e o Japão encontra-se atualmente suspenso. De igual modo os vistos emitidos pela Embaixada do Japão em Lisboa antes do dia 20 de Março 2020 encontram-se com a validade suspensa.
 É obrigatória a apresentação de certificado de teste PCR negativo 72h antes da hora de partida do voo com destino ao Japão - Formato PDF em português para imprimir o "Certificate of testing for COVID-19" :
https://www.mhlw.go.jp/content/000769795.pdf
Em alternativa poderá ser apresentado outro  formato de certificado de teste PCR negativo, devendo conter toda a informação como no modelo em formato PDF supra e impresso em formato papel.
http://www.moj.go.jp/isa/content/001347333.pdf

Na falta de apresentação do certificado do teste de Covid-19 a entrada no Japão será negada nos termos da Lei  da Quarentena e da Lei Japonesa do Controlo da Imigração e Reconhecimento dos Refugiados. 
De igual modo deverá ser assinada e entregue uma Declaração de Compromisso à chegada ao Japão. Written Pledge (PDF) 
Também o site da embaixada do Japão em Lisboa dispõe de informação sobre as restrições de entrada em vigor.
(https://www.pt.emb-japan.go.jp/itprtop_pt/index.html)
O site da OMS dispõe de informação sobre o coronavírus e conselhos aos viajantes – travel advice (https://www.who.int/emergencies/diseases/novel-coronavirus-2019)
Devido à pandemia do Covid-19 foi criado um centro de consultas telefónico para estrangeiros (Health Care Information Center – Himawari) 03-5285-8181 / do estrangeiro: +81-3-5285-8181 em inglês, espanhol, chinês, coreano e tailandês das 9h às 20h diariamente.
Para os estrangeiros residentes em Tóquio as autoridades japonesas disponibilizam informação atualizada sobre o coronavírus e centros de consulta, nomeadamente:
a) Consultas via telefonesobre o coronavírus  24h/dia, incluindo durante o fim de semana em Tóquio;
b) números de telefone dos centros de Consultasna região de Tóquio;
c) Websitescom informação útil.
A NHK World disponibiliza linhas de apoio multilingual sobre o Covid-19.
Como medida preventiva do Covid-19 aconselha-se o distanciamento social, a lavagem frequente das mãos ou desinfeção com um gel ou solução com 70% alcóol e o uso de máscara em locais fechados, de concentração de pessoas,  transportes e edifícios públicos.
 

Covid 19 - Restrições de entrada no Japão (atualizado 31/05/2021)

Com o prolongamento do estado de emergência até ao próximo dia 20 de junho os viajantes estrangeiros estão impedidos de entrar no Japão até essa data. A interdição abrange os novos requerentes de vistos, incluindo estudantes e dependentes, empresários e viagens de negócios. Atualmente apenas os nacionais japoneses e residentes estrangeiros no país poderão reentrar no Japão.

Ainda no âmbito das medidas de prevenção do coronavírus e da infeção do Covid-19  está atualmente em vigor um travel ban emitido pelas autoridades japonesas que abrange 159 países, incluindo Portugal, o que se traduz na interdição de entrada no Japão para os cidadãos nacionais e estrangeiros residentes em Portugal ou num dos restantes 158 países, ou que tenham permanecido em algum dos 158 países nos 14 dias que antecedem a chegada ao Japão.  Mais informações:

Clicar no link https://www.mofa.go.jp/ca/fna/page4e_001053.html

O Acordo de Isenção de Vistos entre Portugal e o Japão encontra-se atualmente suspenso. De igual modo os vistos emitidos pela Embaixada do Japão em Lisboa antes do dia 20 de Março 2020 encontram-se com a validade suspensa.

É obrigatória a apresentação de certificado de teste PCR negativo 72h antes da hora de partida do voo com destino ao Japão - Formato PDF em português para imprimir o "Certificate of testing for COVID-19" :
https://www.mhlw.go.jp/content/000769795.pdf

Em alternativa poderá ser apresentado outro  formato de certificado de teste PCR negativo, devendo conter toda a informação como no modelo em formato PDF supra e impresso em formato papel.
http://www.moj.go.jp/isa/content/001347333.pdf

Na falta de apresentação do certificado do teste de Covid-19 a entrada no Japão será negada nos termos da Lei  da Quarentena e da Lei Japonesa do Controlo da Imigração e Reconhecimento dos Refugiados. 

À chegada ao Japão será efetuado novo teste PCR e  mesmo testando negativo deverá ser efetuado um período de quarentena de 14 dias em local designado pelo Chefe de Quarentena (hotel, residência, etc) e não será permitida a utilização de transportes públicos incluindo táxi para a deslocação do aeroporto para o respetivo destino/alojamento e durante os 14 dias subsequentes.

De igual modo deverá ser assinada e entregue uma Declaração de Compromisso à chegada ao Japão. Written Pledge (PDF) 

Também o site da embaixada do Japão em Lisboa dispõe de informação sobre as restrições de entrada em vigor. https://www.pt.emb-japan.go.jp/itprtop_pt/index.html

O site da OMS dispõe de informação sobre o coronavírus e conselhos aos viajantes – travel advice https://www.who.int/emergencies/diseases/novel-coronavirus-2019

Devido à pandemia do Covid-19 foi criado um centro de consultas telefónico para estrangeiros (Health Care Information Center – Himawari) 03-5285-8181 / do estrangeiro: +81-3-5285-8181 em inglês, espanhol, chinês, coreano e tailandês das 9h às 20h diariamente.

Para os estrangeiros residentes em Tóquio as autoridades japonesas disponibilizam informação atualizada sobre o coronavírus e centros de consulta, nomeadamente:

a) Consultas via telefone sobre o coronavírus  24h/dia, incluindo durante o fim de semana em Tóquio;
b) números de telefone dos centros de Consultasna região de Tóquio;
c) Websitescom informação útil.

A NHK World disponibiliza linhas de apoio multilingual sobre o Covid-19.
Como medida preventiva do Covid-19 aconselha-se o distanciamento social, a lavagem frequente das mãos ou desinfeção com um gel ou solução com 70% alcóol e o uso de máscara em locais fechados, de concentração de pessoas,  transportes e edifícios públicos.

 

  • Partilhe